Amador Brasileiro Novinha Gostosa Perfeita Tocando Siririca Em Publico De Seu Colega De Escola De Jardins – Sp

visualizações

65 seg

Categoria:

Tag: , , , , ,

visualizações

65 seg

Categoria:

Tag: , , , , ,

Amador Brasileiro Novinha Gostosa Perfeita Tocando Siririca Em Publico De Seu Colega De Escola De Jardins – Sp

Amador Brasileiro Novinha Gostosa Perfeita Tocando Siririca Em Publico De Seu Colega De Escola De Jardins – Sp

Então, pra que empregados?Depois de guardarmos tudo na cozinha, ela me mostrou a casa, os jardins, a piscina, quadra de tênis,um pomar.

Ele tirou o pau dele para fora e mandou chupar, já estava bem duro, fiquei com medo e na hora disse que não, já estava indo embora quando ele me ameaçou, disse que contaria o que eu havia ido até o mato com ele, disse que eu já tinha fama de viadinho tetudo entre os garotos da sala e que todos falavam de mim e que se eu fosse embora no outro dia na aula todo mundo saberia que era verdade, que era a bixinha da escola. Comprei ingressos para irmos ao Teatro Municipal assistirmos a um concerto, então minha namorada disse que queria que eu tocasse uma siririca para ela durante o espetáculo.

Alex passou um creme no dedo indicador e enfiou no meu cuzinho apertadinho e foi segurando meu pau, tocando uma punhetinha de leve para me relaxar.

Whisky e energético! Combinação perfeita pra curtir a noite. Ele queria que fizesse um filme erótico amador, onde ele seria o diretor e câmera, e eu seria sua atriz principal. Sou português e como tal peço desculpa se algum termo que usar, não for familiar ao povo brasileiro que domina este site. No outro dia o Maurício não falou comigo quando eu chequei na sala, ele já estava lá com o Marcos e mais alguns colegas nossos, fiquei pensando que era porque eu não havia dito nada pra ele e que agora ele não queria mais, fiquei triste mas no fundo também aliviado, se deixasse quieto talvez tudo não tivesse passado de algo que aconteceu e passou e não significaria que eu gostasse de homens.

Foi então que o tamanho da encrenca veio à luz:-Tá certo papai, não seja fingido…sempre soube que você é um pegador de novinhas e agora é a minha vez. Nessa altura meu pau estava duríssimo e já no meio das pernas dela, embora ainda por cima da camisola… Eu tirei devagar o pau pra fora, levantei a camisola, comecei a passar a mão nas pernas dela e senti que ela ficava toda arrepiada… fui baixando a calcinha dela até tirar completamente… Nesse momento pela primeira vez ela falou, pois até então ambos estávamos constrangidos e em silêncio: “como teu pau é grande e gostoso… é bem maior que o do teu pai” Aí eu perdi toda a vergonha e disse que achava ela a mulher mais gostosa do mundo, que sentia um tesão doido por ela e que meu sonho era comer a buceta dela….

Mas estamos nos encontrando sempre que possível e logo estarei publico um novo conto.