Caiu Na Net Mais Um Video Amador Loira Super Boqueteira Boquete Babado Colega Da Escola Bem De Barretos – Sp

visualizações

79 seg

Categoria:

Tag: , , , , , , , ,

Caiu Na Net Mais Um Video Amador Loira Super Boqueteira Boquete Babado Colega Da Escola Bem De Barretos – Sp

Caiu Na Net Mais Um Video Amador Loira Super Boqueteira Boquete Babado Colega Da Escola Bem De Barretos – Sp

estava pingando de tesão, minha esposa gemia e se contorcia e falava,entre suas coxas, abaixou e começou um maravilhoso boquete, chupava comeu e minha irmã estudamos das 7:00hs ás 12:00hs, um dia quando chegavámosDepois do café começamos de novo nossa meterola, ela se ajoelhou diante de mim, devagar foi tirando minha cueca, logo em seguida abocanhou meu pau e começou a chupar, enquanto meu irmão lhe comia o Cu. jovens e sadios para desfrutar os prazeres de uma boa foda, estamos aOi meu nome é Vasco , sou português , a historia que vou contar aconteceu 9 anos atras quando eu tinha 11 anos eu vivia numa aldeia pequena mas onde havia uma menina de 9 anos que me atraia ela era morena bunda bem arrebitada e um papo que dava nas vistas o seu nome era Marlene eu adorava brincar com ela, um dia eu pedi a ela se ela queria brincar aos médicos ela logo aceitou , eu disse que era o medico e que a iria examinar eu malandro já naquela altura mandei ela se despir, o pito logo se levantou a ratinha sem qualquer pelo mandava um fedor irresistivel e u um rapar de pito já com uns 14 cm pedi se podia lember ela achou porco , mas eu issisti e depois de começar ela adorou e pediu mais mas eu disse que so se ela me deixasse por o train no seu tunel ela disse que tinha medo das dores mas eu disse que a lembia todos os dias depois da escola ali no pinhal e la acabou por ceder.

Não é uma festa de peão como aquela famosa de Barretos, mas dá um agito e tanto na cidadezinha!E eu tinha sido escolhida para ser uma das garotas que ficam de chapéu, botas, camisa xadrez e shortinho, desfilando e ajudando os vaqueiros depois que eles caem e se machucam um pouco. bom depois de ter afastado olhou para ele fixamente nos olhos abaixou e com sua boca lentamente pois se a engolir o caralho dele e ela contou com ar de safada que chegando ate a base do catete desse cara parou sorvendo por um minuto e voltando lentamente quando alcançou a glande ele na resistiu jatos de porra grossa saiu do seu caralho atingindo todo rosto e seios de minha esposa e ele nao suportando aquilo tudo agarrou sua cabeça apertando contra seu membro ainda esporrando esfregando a cara de minha esposa lambuzava toda e chingando ele de puta vadia ela disse que nesse momento ela gozava copiosamente sem um membro na vagina so com a cara apertada no pau desse colega de trabalho que a deixou num estado que breve vou enviar para vcs por que quis que ela fizese tudo assim comigo.

Eu disse: e ai Gabriel que vídeos vc ve? Ele ficou calado e vermelho com vergonha. O Durval também gostou, me deu nota 10, disse que nunca tinha sido chupado tão gostoso!– Uau… minha mulherzinha tá virando uma expert em boquetes!– Viu só? Ainda serei uma boa boqueteira, pode acreditar, tenho de praticar muito!– Safada!!! Mas continua, o que mais rolou?– Ah, os dois ficaram se revezando em me comer.

Entao ela me chamou pra ir na casa dela um pouco, eu ja sabendo das intenções fui, na hora que ela abriu a porta eu ja a agarrei e comeceia beijar, estava louco de tesão, então ja tirei meu pau pra fora, minha cueca estava super melada, levantei a saia dela, não queria nem saber de preliminares nem de camisinha, pra minha surpresa ela estava sem calcinha, então só direcionei meu pau naquela bucetinha melada e tentei entrar… COMO ERA APERTADO, mesmo molhado ela gritava e eu gemia colocando aos poucos, quando consegui colocar tudo parei por uns 10 segundos pra poder sentir aquele calor e aquela pressão no meu pau, então dei umas 3 metidas e não aguentei, apertei ela contra a parede e enfiei meu pau o maximo q pude, gozei muitooooooooooo, senti a porra escorrendo por suas pernas com meu pau ainda dentro, apos gozar fiquei naquela posicao por um tempo me despedi e fui pra casa. Ele queria que fizesse um filme erótico amador, onde ele seria o diretor e câmera, e eu seria sua atriz principal.

A mulher era muito bonita, loira não natural, com peitos siliconados e com um bunda de academia de fazer inveja a muita menininha. Suado, babado, a roupa amassada, tossindo, lacrimejando, constrangido e sem saber o que fazer.