Comendo Cu E Dando Leitinho Na Boca Da Mulher Do Corno Myllena Rios

Comendo Cu E Dando Leitinho Na Boca Da Mulher Do Corno Myllena Rios

Comendo Cu E Dando Leitinho Na Boca Da Mulher Do Corno Myllena Rios

Esperei minha mulher dormir e fui pra sala ver tv com ela.

Ele iniciou a punheta e meu pau estava babando muito,eu estava me colocando no lugar de um dos caras sortudos que comia aquela delícia de mulher e me lembrei do jeito gostoso que Bárbara me chupava,o cara me punhetava rapidamente e acariciava meu saco,isso me deixava a ponto de gozar,então,inclinava meu corpo para traz para que ele parasse,ele me falou para avisar quando fosse gozar,continuava a ver o filme com a mão amiga batendo pra mim,já estava super excitado e o cara batia,batia e batia sem parar,pegou na cabecinha e retirava o líquido abundante que não parava de sair, eu estava louco de tesão,minha respiração ficou acelerada e acho que ele percebeu,eu olhei para baixo  e vi sua mão sobre meu pau,segurava com força moderada e precisão meu mastro que estava com a cabeça inchada e continuei a ver o filme até o momento de uma cena em que todos os homens gozavam na bunda e no rosto da gostosona e,sem avisar,comecei a  gozar com o meu cacetão na mão do cara e achei que meu leitinho iria cair no chão mas ele pegou tudo com a mão e disse:Olha quanta porra você gozou cara!,mostrando sua mão com aqueles filetes brancos da minha porra entre os dedos.

LEVANTEI-ME UM POUCO, ESFREGUEI SEU PEITO, SUBI PELO PESCOÇO, REFIZ O CAMINHO E JÁ ESTAVA INDO PARA SEU ABDÔMEN QUANDO SUAS MÃOS AFLITAS SEGURARAM AS MINHAS E FUI PUXADA DE ENCONTRO A SEU CORPO, QUE NÃO MAIS RESISTIA A TANTA TENSÃO E ANSIAVA SENTIR-ME SUA POR INTEIRO…ACOMODOU-ME EM CIMA DE SEU PAU E AGORA ERA ELE QUE NÃO PARAVA DE DESLIZAR AS MÃOS POR TODO O MEU CORPO ENQUANTO PRESSIONAVA SUA PELVIS CONTRA A MINHA E NOSSO RITMO ERA SINCRONIZADO PELA PAIXÃO QUE NOS A ARREBATAVA, QUERENDO EXPLODIR NUM ORGASMO INCANDESCENTE QUE NOS TORNASSE UM NA UNIÃO DE NOSSOS SERES, SEDENTOS DE AMOR…TOMAMOS UMA DUCHA, NOS ENROLAMOS NAS TOALHAS E FOMOS PRA CAMA CONTINUAR NOSSO ROMANCE, AGORA BRINDANDO MAIS UM ENCONTRO COM TAÇAS DE UM DELICIOSO ESPUMANTE, ACOMPANHADO DE MORANGOS FRESCOS E BEM VERMELHINHOS, DEGUSTADOS DIRETAMENTE NO CORPO DO OUTRO, ENTRE LAMBIDAS QUE IAM NOVAMENTE ACENDENDO NOSSO FOGO INTERIOR…CARÍCIAS SE INTENSIFICAVAM E NOVAMENTE NOS DEIXAMOS ENVOLVER PELOS SENTIMENTOS APAIXONADOS QUE SÓ NOS FAZIAM DESEJAR CADA VEZ MAIS UM AO OUTRO DE FORMA ARDENTE E EXTREMAMENTE AMOROSA…""Passou a tal semana, ele me alimentava e cuidava bem, fazia carinhos e eu achando que ele havia mudado comigo.

Carlinhos sentia-se o fodão por ser maior e estar comendo sua prima ninfeta.

(Ele ainda pensa que trepou com a Mônica, a escuridão manteve minha condição de corno secreta).