Loira Se Masturbando No Banho

visualizações

3 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , ,

Loira Se Masturbando No Banho

Loira Se Masturbando No Banho

Ela era de classe média e muito estudiosa. Pediu que eu ficasse de pé e ficou me chupando, enquanto continuava masturbando o Rubens, que permanecia deitado. Eu, calada, mas me contorcendo, em silencio, e imaginava aquela samba canção com todo aquele volume tocando a minha calcinha, que sempre estava toda molhada pra sentir ele todo.

Nos beijamos ali mesmo, no táxi.

– Contei de você para um grupo de amigos e eles ficaram doido para te conhecer. ela enfiava todos os dedinhos de vez em sua bucetinha e botava na boca se lambendo = a uma gata tomando banho.

Digo que estava realizando uma fantasia antiga de vê-la sendo possuída pelo nosso amigo.

Bati na porta e ela atendeu, somente com uma camiseta branca. Minha mãe então pediu que ela ficasse tranquila, pois falaria com Gabi e além do mais, ela e tia Sandrinha estavam dando pra nós e em nenhum momento nós as desrespeitamos. A garota que estava la no fundo, sozinha se masturbando, também se manifestou, passando por cima das amigas – Da licença, queridinhas, esse pão é meu também! Era a garota do bar, a putinha do inferno, que chegou ja colocando moral em todas elas. bom vamos ao q interessa, nos viviamos numa rotina igual a muitos casais por ai então um dia conversamos e decidimos inovar fomos num sex shop e decidimos q tudo q a gente comprasse teríamos q usar,então compramos algumas coisas ( chicote,algema,uma venda,coleira e um consolo ) ao chegarmos em casa tomamos um belo banho e colocamos a imaginação pra funcionar então decidi tomar a rédia da situação peguei a algema e a algemei de braços para trás e coloquei nela a venda ela ficou toda curiosa querendo saber o q eu iria fazer com ela mais eu nao disse nada apenas comecei a alizar seu rosto e percorrer minhas mãos pelo seu corpo enquanto ela suspirava acariciei seus seios e ela deu um gemido de prazer o q me deixou excitado entao resolvi descer mais ate chegar na sua linda e gostosa bucetinha e acariciar seu critoris ela ja gemia sem parar eu aumentei o ritmo e a beijei intensamente ficamos nisso uns dois minutos ate q ela gozou de uma maneira q eu nunca vi eu ja nao estava me aguentando mais de tesão peguei meu pau e coloquei na boca dela e mandei ela chupar, o prazer era tanto q eu nao demorei muito para gozar em sua linda boquinha e ela como de costume ja ia levantar para cuspir quando eu a surpreendi com um tapa em seu rosto e disse em um tom de ordem q era pra ela engolir minha porra toda ela se assustou mais me obedeceu e pela primeira vez tava engolindo meu gozo aquilo me deixou louco não so por ela ter engolido mais sim pela sua submissao,antes q ela pudesse me perguntar algo eu a segurei pelos cabelos e a joguei na cama de costas pra mim ela se assustou de novo eu peguei o chicote e comecei a passar pela suas costas vendo ela arrepiar então puder ver q ela estava molhadinha cheia de tesao entao eu disse vc ta gostando disso ne sua vagabunda e ela nao respondeu então eu dei uma chicotada nela em sua bunda e ela suspirou entao perguntei novamente vc ta gostando ne vagabunda ai ela respondeu sim eu to amor entao eu disse a ela q a partir de agora eu mandava e ela obedecia e ela disse maaai…. A mulher era muito bonita, loira não natural, com peitos siliconados e com um bunda de academia de fazer inveja a muita menininha.