Porno Caseiro Dos Bons Mulata Peluda Chupando Por Completo Do Amante Em Rio Das Ostras

9 seg

Categoria:

Tag: , , ,

visualizações

9 seg

Categoria:

Tag: , , ,

Porno Caseiro Dos Bons Mulata Peluda Chupando Por Completo Do Amante Em Rio Das Ostras

Porno Caseiro Dos Bons Mulata Peluda Chupando Por Completo Do Amante Em Rio Das Ostras

Eu fiz isso e comecei a chupar a rola preta, grabde, grossa e peluda dele (eu chupava pelo dele, mas n me importava pq era muito bom e eu era a putinha dele). Estávamos na sala quando Claudia começou a falar que era doida pela buceta de Marcelinha depilada, lisinha, branquinha e Marcelinha pediu para ela chupar já que estava com vontade, Claudia levanta e começa a tirar o short dela deixa ela só de calcinha, tira sua blusinha e sutiã e começa a chupar o corpo dela inteiro, dá várias lambidas, mordidas, isso Marcelinha começa a gemer bem gostoso, dizer para Claudia como eu estava excitado com isso, a minha cara de tarado, que parecia um moleke de 16 anos assistindo um filme pornô. Era a mulher do caseiro do sítio de meus cunhados, cabelos negros, corpo bem formado.

"Ola meu nome é Adson tenho 18 anos um pau em cerca de 18,7 cm e é bem grosso bom minha mãe e uma mulher de 38 anos tem uma bunda bem grande e um peito maravilhoso isso aconteceu num certo dia q minha mae estava estranha e ficava o tempo todo no quarto quando foi a noite eu ouvi ela gemendo eu pensei q ela tava passando mal quando entrei ela tava se masturbando aquela sena de uma mulata toda molhada com dois dedinho na bucetinha q maravilha de mulher ela tomo um susto quando me viu e grito mandado q eu sai se do quarto eu sai e fiquei no meu quarto pensando nela na hora ninguém lembra q era sua mãe eu nunca desejei tanto uma mulher,eu custumo dormi só de cueca enquanto eu tava dormindo eu senti uma sensação muito gostosa no meu pau eu pensei q tava sonhado mais tava tão gostoso q eu pensei comigo não pode ser um sonho ate abri os olhos e ver aquela sena de uma mulher chupando meu pau não acretitei fiquei em estado de choque ai minha mãe disse,filho desculpa a mãe te gritado com vc e q a mãe ficou muito tempo sem si satisfazer e a mãe presisava disso,eu rir e ela falo q não sabia um jeito de mi desculpa então entrei no quarto e vi essa piroca maravilhosa a mãe não se siguro vc deixa a mãe usa essa piroca pra mi satisfazer,eu balançei a cabeça…O resto da historia conto na próxima vez essepero q gostem pq essa história tem um ótimo final-FILHO DA PUTAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA.

Amanda me chupava até o talo,meu pauzão estava todo babado,pela sua saliva e pelo líquido abundante que saia,aquela chupeteira sabia mamar gostoso,eu  resolvi me impor como machão e dar ordens,tirei sua calça legging e mandei que ficasse de quatro no sofá,ela obedeceu e tirou sua blusa,fiquei peladão e coloquei meu pau no seu cuzinho e ela dizia para meter com força e introduzi meu pau naquele cu delicioso e apertadinho,comecei a bombar sem dó,havia esquecido por completo meu cansaço e todo o resto,só queria comer e me aproveitar daquela gostosa e falava;Pronto vadia,seu macho de hoje está comendo seu rabo porque você deve ter um macho por dia pra te fuder e ela dizia olhando pra mim:Sim,dou mesmo,mas escolho bem pois gosto de homem macho como você,está gostando de me possuir,estou adorando seu pau no meu cuzinho,são poucos os que deixo comer. Quando Douglas chegou fingi surpresa e o convidei para entrar notei que ele me devorou com os olhos me fiz de desentendida quando disse que havia ido buscar os jogos e o chamei para ir até o quarto do meu filho para que ele me mostrasse qual seria.

Coloquei Sabrina de 4 e enquanto ela ia chupando Julia, fui socando minha língua naquela bucetinha rosadinha, quente e que já escorria de tanto prazer, eu alternava entre chupar aquele grelinho delicioso, enfiar 1, 2 e até 3 dedos e dar leves chupadinhas naquele cuzinho delicioso dela. Entao no ultimo dia estavamos eu e as minhas amigas curtindo muito a ultima noite quando me aparece aquele deusa na boate… fiquei completamente louca, mas fingi que nao a vi! Quando deu mais ou menos umas tres horas da manha uma das minhas amigas passou mal e eu fui com ela para casa, deixei ela em casa e peguei o caminho de volta para a boate, mas foi exatamante nesse caminho, quando a rua estava completamente deserta que a Sarah apareceu! Primeiro eu tentei passar direto mas ela me puxou se desculpou pelo outro dia e disse que so queria conversar… estava meio confusa, mas acabei por aceitar! Entao andamos muito e chegamos a uma praia escondida entre umas pedras, completamente deserta! Sentamos e comecamos a conversar, ela me disse que era lesbica e que tinha ficado parada na minha e que como eu tinha dado corda pra ela ela achou que eu tambem quisesse algo.