Vídeo Vaza Na Web Minha Namorada Puta Faz Putaria Para Padrasto Tarado De Petrópolis – Rj

60 seg

Categoria:

Tag:

visualizações

60 seg

Categoria:

Tag:

Vídeo Vaza Na Web Minha Namorada Puta Faz Putaria Para Padrasto Tarado De Petrópolis – Rj

Vídeo Vaza Na Web Minha Namorada Puta Faz Putaria Para Padrasto Tarado De Petrópolis – Rj

Estávamos na sala quando Claudia começou a falar que era doida pela buceta de Marcelinha depilada, lisinha, branquinha e Marcelinha pediu para ela chupar já que estava com vontade, Claudia levanta e começa a tirar o short dela deixa ela só de calcinha, tira sua blusinha e sutiã e começa a chupar o corpo dela inteiro, dá várias lambidas, mordidas, isso Marcelinha começa a gemer bem gostoso, dizer para Claudia como eu estava excitado com isso, a minha cara de tarado, que parecia um moleke de 16 anos assistindo um filme pornô.

"Surgiram boatos que perto da praia onde temos casa, em um ponto mais distante do movimento, existia um lugar que a putaria rolava solta. Mas mesmo assim fiz um rascunho de uma carta ao casal e mostrei-o a minha mulher. Nossa naquele momento fiquei com tanta vergonha q meu padrasto percebeu que tinha algo errado foi quando pedi para ele esperar pois tinha q tirar o meu carro para meu cunhado sair. Neste momento a namorada começou a reclamar um pouco com minha esposa falando que ele bebia demais e as vzs deixava ela sozinha.

Tudo aconteceu quando eu estava cuidando da casa do meu chefe, sempre que ele viajava nas férias eu cuidava da sua casa para tratar dos cães, no começo eu sempre ia sozinho, até no começo nunca pensei em nada relacionado a zoofilia, até um dia tudo mudou! Sem querer e movido pela curiosidade cliquei em um vídeo de zoo na net e fiquei vendo o cão lamber a buceta da mulher, fiquei maluco de tesão ao ver ela gozando na cara do cachorro, eu tinha que dar um jeito de um dia aquilo acontecer em minha vida, minha namorada na época se chamava Flavia, corpinho legal, seios fartos e uma buceta deliciosa, com o tempo comecei a falar do assunto com ela que no inicio achou nojento, o tempo passou e nos meses seguintes quando meu chefe viajou eu levei ela pra ir tomar conta da casa e dos animais comigo, foi lá que ela teve o primeiro contato com um labrador chamado “Ringo” lindo, branquinho, comecei a provocar ela na sala em que o cachorro estava deitado, deixando ela meladinha fiquei provocando muito, chupando, tive uma ideia! coloquei uma venda nela e e eu mesmo comecei a mamar no seu seio, depois chamei o Ringo que começou a sentir o cheiro dela até que foi lambendo muito a bucetinha dela sem parar, eu mamando no seio e o ringo na buceta, depois ela me chupando e o cão chupando ela, estava louco pra ver ele fodendo ela mas nao deu pq era um cão grande.